Eduardo

Lilypie Fifth Birthday tickers

Rodrigo

Lilypie Second Birthday tickers

9 de dez de 2010

Conquistas

Eduardo se superou neste semestre!!! Estou super orgulhosa! Chupeta? Não saberíamos mais o que é isso se não fosse pelo Rodrigo que adora a sua. Isso mesmo!!! No dia primeiro de novembro Dudu parou de chupar bico. Ele já estava com sono e nós não estávamos encontrando o bendito do bico. De repente me veio um insight e eu disse para ele que o Papai Noel havia estado na nossa casa e pegado sua chupeta para fazer o caminhão que ele tinha pedido! Não é que o menino aceitou numa boa? Me surpreendeu. Numa boa, assim assado, ele passou a dormir mais tarde e na primeira semana sem o bico ficou bem inquieto. Na primeira noite ele olhou pra mim, já bocejando de sono e iniciamos um diálogo às 23:30: - Mamãe, eu estou com um problema." - Qual é o seu problema, me conta. - Como é que faz pra dormir sem bico? - Ué filho, eu não uso bico e durmo. É só fechar os olhos. Deu certo. Ele virou para o lado e apagou. Dormiu a noite inteira!!!! Dezessete dias depois resolveu fazer cocô na privada!!!! Segundo ele era melhor assim. Pois é, do nada ele resolveu que era melhor do que na fralda!!! Fralda e chupeta só para o Rodrigo!!! Estou inchada de orgulho!!!

Batismo

Rodrigo foi batizado no dia 07 de Novembro. Foi lindo, na igreja Nossa Senhora do Pilar, onde minha avó frequenta. O Padre Nelson é um amor de pessoa. Batizamos Eduardo lá e fizemos com ele o Curso de Noivos. Ele ficou um fofo durante toda a missa. Dormiu, não chorou em nenhum momento e estava lindo. bermuda branca e body polo azul bem clarinho. Eduardo adorou ter ido à igreja. Olhou bem para o crucifixo no altar, com a imagem de Jesus, enorme! Comentou bem baixinho, com os olhos mais do que arregalados: "Mamãe, o moço lá nem tá mexendo!" Na hora de jogar a água benta na cabecinha do Rodrigo levamos Eduardo para ver. Ele ficou no colo do pai. Pade Nelson jogou um pouquinho nele também e instantaneamente ele falou bem resoluto: "Mas eu nem sou mais neném!!!" Depois da missa, almoço com a família na casa da minha mãe. Tarde deliciosa, comida deliciosa, muitos risos e Rodrigo apagado praticamente o tempo todo. Mais uma vez falo: Todo primeiro filho já deveria nascer segundo! Ô tranquilidade!!!

8 de dez de 2010

Rezando

Dudu reza a oração do Santo Anjo direitinho. Ensinei pra ele desde que começou a falar. Uma gracinha. Rezamos todas as noite e depois pedimos para o Papai do Céu e para a Mamãe do Céu abençoar nossa família, amigos, e todos que ele vai lembrando... No batisado do Rodrigo veio minha tia que mora no Rio. Aproveitando o tema do final de semana, Batismo, ela perguntou ao Eduardo se ele sabia rezar. Ele, todo orgulhoso, juntou as mãozinhas, fechou os olhos... (eu, toda orgulhosa esperando ouvir "Santo Anjo do Senhor...")... e começou: "Papai do Céu, obrigado por esse lanchinho gostoso, Amém. Meu lanchinho, meu lanchnho, vou comer, vou comer...". Depois de cantar, olhou pra tia e disse: "Viu?" Fiquei pasma!

7 de dez de 2010

Como estamos...

Nossa, faz tempo que não posto nada. Ficamos sem internet por um tempo. o windows desconfigurou, o Rodrigo está dormindo menos e o Eduardo também. Ou seja, sumi. Tem um monte de coisa acontecendo. Eduardo está quase entrando de férias!!!! No próximo ano fará o Maternal III. Como está grande... Carinha de moleque, brincadeiras de moleque. Agora só quer saber de robôs (transformers de preferência), super-heróis, lutas e , para a minha tristeza, o tal do Ben 10. Sinto que a fase Discovery Kids está chegando ao fim para ele. O negócio agora é Cartoon Network com o lixo que o acompanha. Argh! E por isso, a televisão aqui em casa tem ficado mais tempo desligada. Ainda bem! Rodrigo está cada vez mais lindo. Come frutas e papinhas, já almoça, rsrsrsrs. Muito chique. Já não amamenta mais, ufa! Está quase rolando, super sorridente, feliz mesmo!!! Ama o irmão e o pai. Esse então é um capítulo à parte. Ele não pode ver o pai que se derrete todo. Chega a babar de tanto que abre a boca para sorrir. Não sossega enquanto o pai não o pega no colo. Resultado? Pai babão dentro de casa. Os meninos são, literalmente, o orgulho do papai. Família mais feliz impossível!!! Estava com saudades de escrever!